Buscar
  • Marcos Galasso

Me dei mal! Melhores conselhos pra mim mesmo aos 20 anos de idade!

Olá pessoal,


Esse post vai ser um pouco diferente pois vou falar bastante da minha vida pessoal.


Eu estive pensando: se fosse possível voltar no tempo e falar com o Marcos de 20 anos de idade, que conselhos eu daria?


Nessa época eu tinha acabado de passar no vestibular. Eu tinha estudado muito para isso, pois meu objetivo era passar numa faculdade pública de medicina. Então, tive que lutar bastante!


Por isso, vou registrar aqui um pouco da minha experiência e lições aprendidas na forma de conselhos que eu daria pra mim mesmo naquela época!

Foto do dia da matrícula - Medicina Unicamp!

1- Você não precisa saber tudo!

Você não precisa saber exatamente como vai ser sua trajetória pessoal e profissional até você ficar mais velho. Existe uma pressão social enorme nessa época para que você tenha todos os seus objetivos definidos, mas, ao mesmo tempo, você precisa passar por algumas experiências no começo da sua jornada pra você aprender como as coisas funcionam.

Alguns pontos importantes:

- Nessa época da sua vida, não há o maior problema em tentar algo e não dar certo! Esse é o momento de errar!

- Todos acham que você deve saber exatamente qual é a sua paixão, mas na minha experiência pessoal, de acordo com as fases da vida, suas paixões podem mudar!

Uma outra lição dentro desse tema é que coisas que incialmente parecem ruins podem levar a bons resultados:

Eu demorei bastante pra entrar na faculdade! Eu não sabia estudar direito, me organizar direito, me concentrar, eu ainda não tinha as estratégias corretas pra isso naquela época. Eu fiquei estudando e fazendo cursinho por 3 anos para passar em uma faculdade pública de medicina. Mas essa dor que eu senti naquela época acabou gerando um resultado muito bom: eu entrei um pouco mais velho na faculdade! Então, minha cabeça, minhas ideias e prioridades já eram diferentes e eu consegui saber melhor os rumos que queria tomar.

2- A vida não é o destino final!

A nossa vida é uma jornada! Naquela fase eu achava que se eu passasse no vestibular de uma faculdade pública de medicina, toda minha vida estaria resolvida, eu teria toda a felicidade do mundo!

Mas depois, o que aconteceu? A faculdade acabou e eu precisava trabalhar! Aí eu achava que se eu conseguisse trabalhar bastante como médico e ganhar dinheiro, aí sim, eu teria a felicidade!

Mas e depois? Veio a vontade de fazer residência, e eu achava que ao fazer a residência médica todos os meus problemas estariam resolvidos!


Resumindo, a lição de tudo isso é que você nunca estará plenamente satisfeito com o que você tem. Você sempre vai querer um pouco mais! Mas se você parar de olhar para o próximo evento que vai acontecer na sua vida como se aquilo fosse a melhor coisa que vai acontecer e, ao invés disso, olhar para o presente e tentar aproveitar ao máximo suas experiências, você terá uma vida muito mais alegre! O principal ponto aqui é: não coloque todas as suas esperanças nas coisas que ainda não aconteceram! E entenda que tudo aquilo que acontece agora é necessário para te preparar para a próxima fase! Eu conheci minha esposa nessa época, e aprendi isso com ela!

3- Você ainda tem muito tempo pela frente!

Atualmente, a expectativa de vida no Brasil é de 76 anos. Ou seja, se você tem 20 anos de idade, você tem muita vida pela frente! E isso é espetacular! A juventudade é o maior ativo que uma pessoa de 20 anos de idade tem! Essa é a melhor fase para você desenvolver seus melhores hábitos, não necessariamente profissionais, mas bons hábitos de vida que te acompanharão por muito tempo!


Eu tinha planejado registrar aqui 3 lições, mas acabei lembrando de mais duas coisas importantes que gostaria de falar, então, teremos duas lições/conselhos bônus!

Bônus 1Mostre um bom trabalho e sua reputação vem em seguida!

Falando um pouco da minha vida pessoal, na época que entrei na faculdade, minha reputação era o que eu mais almejava! Eu tentava viver como as pessoas que estavam ao meu redor e, muitas vezes, tentava imitar as pessoas mais velhas achando que minha reputação dependia dessas pessoas perceberem em mim uma pessoa exatamente igual a elas. Mas quanto mais eu tentava ser igual a eles, mais bullying eu sofria. Até que eu entendi que as pessoas não querem que os outros sejam exatamente iguais a elas. Cada pessoa é única! Você não precisa ser igual a ninguém! Os seus reais amigos respeitam quem você é e suas individualidades, respeitam o seu passado e torcem pelo seu futuro! Sendo você mesmo e mostrando um bom trabalho e resultados, sua reputação virá e será bem melhor do que se você tentar copiar alguém!



Bônus 2 – Aprenda a economizar e investir dinheiro!

Com 20 anos de idade, eu não tinha educação financeira, eu não sabia nada sobre isso! Consequentemente, todos os meus hábitos e gastos eram completamente errados. No futuro, quano me dei conta disso, busquei bastante informação sobre esse assunto e aprendi muito! Por isso, acredito que essa talvez seja a princial lição/conselho que eu daria pra mim mesmo aos 20 anos de idade: quanto mais cedo você aprender lições básicas sobre investimento, como por exemplo, juros compostos, você terá essas lições “trabalhando” por você por mais tempo! Pense que se você tiver disciplina e começar aos 20 anos de idade, quando atingir os 50 anos de idade, você poderá ser milionário!

E essas foram as cinco lições (três lições e dois bônus!!) que, se fosse possível, eu ensinaria pra mim mesmo aos 20 anos de idade! Espero que tenham gostado!


Um abraço,


Dr. Marcos

19 visualizações

© 2019 Dr. Marcos Galasso. Todos os direitos reservados